Archive for the 'blogosfera' Category

28
Fev
09

Evasões bloguísticas

Ando evadida do blog… Tenho andado sem grande paciência para contar coisas, nem sei explicar bem porquê. Isto dos blogs tem fases, ao menos eu sinto isso… Há alturas em que dá imensa «pica», em que estamos a viver as coisas e já estamos a pensar «isto dava um bom post», mas depis há outras alturas em que, ainda que possam acontecer outras coisas, não apetece escrever. Ando pacífica e cheia de trabalho – talvez por isso não escreva!

Entretanto, descobri outros prazeres na blogosfera.

Andei muito tempo a ler pouco do que se passava – lá está a falta de tempo – e perdi a paciência para blogs de que antes gostava muito (vai-se-lá-saber-porquê…). Depois, pouco a pouco, voltei a vir piscar o olho à blogosfera. Mantive o interesse e o gosto por ler blogs, mas agora ando a apreciar mais os blog pessoais. Aqueles leves, bons de ler, bem escritos e com piada, de pessoas com vidas normais, mais ou menos parecidas com a minha (às vezes pouco), com as quais chegamos a sentir uma forte empatia à distância. O namorido não percebe. Há uns tempos atrás, um bloguista que não conheço pessoalmente e a quem nunca escrevi uma mensagem, embora leia regularmente o seu blog, teve uma grande desventura na sua vida. E quando li sobre ela, fiquei honestamente abalada. Como se de um amigo se tratasse. Um amigo silencioso e à distância, que nem fazia ideia que naquele momento me compadecia dele, quem quer que fosse… Pode parecer uma tolice, eu compreendo que sim… mas é real.

E dada a mudança geral de tom dos blogs que ultimamente tem chamado a minha atenção e dos quais me tenho tornado leitora mais ou menos assídua, tenho tido a necessidade de procurar novos blogs. Tenho seguido liks, ou visto caixas de comentários a posts de que gostei e ver os blogs de quem comentou com interesse. E, pela primenira vez, estou a ganhar o hábito de comentar posts. Não costumava fazê-lo, mas tem-me sabido bem e estou a fazer descobertas interessantes.

De resto… Volto a dar aulas no dia 6 de Março (está quase) e ando a prepará-las com afinco. Desejem-me sorte.

27
Jan
08

frustrante

tem havido grande afluxo de visitantes a este blog… só porque refere a Carla Bruni (cá está ela de novo) e ela agora anda na moda por via do relacionamento com o Sarcozi.

07
Dez
07

Efectivamente

regresso. Volto aos poucos a percorrer com as pontas dos dedos as páginas antes tão conhecidas. Histórias dos outros, mais ou menos (quase sempre nada) familiares. Procuro, entre os favoritos marcados do lado esquerdo os rostos cibernéticos de conhecidos desconhecidos. E não os reconheço. Perdi o seu percurso, o seu desenvolvimento. Escreveram já tanto, desde o meu exílío da blogoesfera, que de repente não sei quem são. Mudaram. Cresceram. Morreram. Foram à vida. E eu não, se medirmos as coisas apenas por esta vida, das letras empoeiradas no teclado, que a outra vai bem simsinhor, muito obrigada. Fiquei parada no tempo como naqueles filmes muito corny que eram frequentes há um tempito atrás.

Vai dar trabalho re-conhecer o terreno.

11
Set
07

andanças bloguísticas

perguntaram-me ontem o que se passava para ter deixado o blog tão sozinho. A minha resposta foi uma não-resposta, porque na verdade nem eu sei perfeitamente. A pergunta afunilou e tornou-se agora numa interrogação quanto ao meu investimento emocional no blog. Aí tive uma resposta mais convicta, que sim, que andava a desinvestir emocionalmente desta plataforma de palavras. Fiquei, resposta dada, a pensar no que tinha acabado de sair disparado da minha boca.

Desinvesti. Sim. Talvez porque ande investida noutras coisas, mais interessantes do que um blog. Estou, já o disse, noutra das minhas fases de recomeço, de reinvenção. Não são assim tão raras, essas fases, na minha pessoa. São apenas uma pontuação, uma pausa para respirar no enredo, antes de uma nova frase. Habituei-me a viver assim, em ciclos de construção e destruição em pequena escala. Como se calhar toda a gente. E depois de uma longa pausa, mais que um ponto final, uma verdadeira mudança de parágrafo ou de capítulo, eis que retomo o movimento. Há uma inércia que se opõe a esse gesto, que me pede que fique quieta no casulo, mas pouco a pouco vou rompendo esses fios e a acção recomeça. E é assim que me encontro agora, a cortar fios e a começar um novo movimento. Isso requer investimento. Investimento esse que depois pode faltar noutros lados e que se espelha aqui, na falta de movimento do blog, precisamente porque não estou parada. Nada disso!

Tem havido começos, recomeços e regressos. Tenho andado a viver mais do que a pensar. Tenho tentado trabalhar. Como de cada vez, inscrevi-me num ginásio ao qual não vou. Ando a re-apaixonar-me pela vida. E isso não se explica, faz-se.

Um dia, voltará a necessidade febril de escrever. Até esse dia, não se preocupem comigo. Ando lá fora, no mundo, a fazer coisas. E ando bem.

26
Ago
07

Preciso urgentemente

de actualizar a barra lateral de links. Alguns dos meus blogs favoritos, muitos até, «morreram» ou aborreceram-me. Houve grande mortalidade bloguistica mesmo antes do verao. Acho que houve gente que abandonou os seus blogs como quem abandona um animal doméstico antes das férias, porque dá trabalho levar atrás. Claro que o blog sobrevive sem comida nem atenção durante as férias, mas não a vontade. Essa morre. E assim, com um curto post, mata-se o blog. Marco, em especial, a morte da Sociedade Anónima, que tanto me divertiu durante o ano passado.

Por outro lado, sugiram novos favoritos.  Este post é um louvor à minha mais recente adicção bloguística. O blog meditations on meaning é uma delícia. É a melhor coisa que li nos últimos tempos. Tem posts genialmente bem escritos, inspirados na vida normal de várias pessoas, num tom filosófico e inspirador. A escrita é rápida, com algumas gralhas, sente-se o frenesi do autor. A todos os que não se importam de ler em inglês recomendo que leiam estas páginas, que tenho lido tão avidamente e que já me fizeram rir até chorar e chorar de riso.

04
Jun
07

alt.blog

http://blog.fotoalternativa.net/

alt.blog

Caro Leitor

Somos um grupo de fotógrafos que se reúne no espaço http://www.fotoalternativa.net.
Um espaço “quase-fechado” porque a “quase-violência” com que criticamos assim o obriga. Um espaço “quase-fechado” porque há vezes que a estupidez substitui a criatividade. Um espaço “quase-fechado” porque exigimos a liberdade “quase-absoluta”.
Criámos este espaço com fotografias.
Chama-se alt.blog.
Publicaremos aqui algumas das nossas fotos.

26
Maio
07

Lentidão e esquecimento

… tanta coisa explicada…

http://4025km.com/archives/634-Lentido-vs.-esquecimento.html

(o resto do blog alheio também se recomenda)




Poeira e letras

Ora, o que eu pretendo, com esta edição renovada do poeira e letras, é continuar a partilhar as minhas reflexões e histórias do quotidiano, descobertas de músicas, sites com interesse ou simplesmente piada e recursos que podem interessar a quem, como eu, anda dedicado à educação. Neste espaço coexistem o pessoal e o público em doses q.b.
Julho 2017
S T Q Q S S D
« Jan    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Estatísticas do Blog

  • 188,068 entradas

Comentários Recentes

silvio paulo barcelo… em Músicas antigas
Elizelton em olha 1001!
Lula em Músicas antigas
Kat em Músicas antigas
Kat em Músicas antigas
Roberto em Músicas antigas
Izabel Gonçalves em Músicas antigas
ROMUALDO ROMANOVSKI… em Músicas antigas
rita neves em Músicas antigas
Izabel Kristina em Músicas antigas

Páginas