Arquivo de Junho, 2009

30
Jun
09

reviravoltas

e depois de uns meses completamente sem problemas, eis que adoeço novamente… E cá estou eu novamente a tomar antibióticos, que me fazem sentir em baixo, tonta e mal-disposta. Ando realmente farta destas andanças. Por mais que já saiba que não é nada de grave, aliás, fiz exames a tanta coisa que fico mesmo com a certeza de ser uma rapariga saudável… com um calcanhar de aquiles inexplicável. Mas ainda assim chateia-me, incomoda-me, faz-me sentir injustiçada. Assim estou desde Sábado. E desde sábado que pouco consegui fazer. No Domingo ainda deu para dar uma voltinha a Ponte do Lima com o namorido, que me fez bem à alma, que por sinal bem precisa.
Entretanto, a intenção cíclica de entrar num ginásio reapareceu. Não se pense que por causa da praia, que este ano nem lá vou pôr os pés. Simplesmente por me sentir assim em baixo e doente. Acho que o exercício me faria bem… se conseguisse manter-me fiel e efectivamente frequentar o ginásio.
A minha escolha, ainda não definitiva, volta a recair sobre o ginásio curvas. Por ter um programa de 30 minutos por dia, que sempre me parece menos desagradável que uma hora ou mais nos ginásios convencionais. Por ser só para mulheres, o que elimina algum desconforto. Por ser bastante relaxado. Passei por outros ginásios, a ver se me inspiravam. Alguns, tenho de confessar, tinham condições muito melhores: piscina, sauna, banho turco, aulas de tudo… Mas aquela música aos berros, e a população que lá habitava são suficientes para me deixar muito, muito desconfortável. Um autêntico peixe fora de água. Sei que não conseguiria ir sozinha.
Vamos a ver se amanhã tenho energia suficiente para ir experimentar uma aula e ver se me decido.

Anúncios
26
Jun
09

Outra versão…

P1010018

Desta feita para aproveitar uns pêssegos que estavam a ficar demasiado maduros no frigorífico.
Fiz uma versão mais «bolo» do clafoutis. Arrependi-me da minha invenção de massa: talvez a massa do clafoutis tivesse saído melhor, embora também seja bom assim. O recheio, esse sim, ficou muito bom.

Usei 6 ou 7 pêssegos maduros. descasquei-os, tirei os caroços e dentro do possível mantive a forma das metades. Já no prato de ir ao forno, salpiquei os pêssegos com açúcar mascavado escuro, que é o responsável pela cor bonita do molho, que se pode espreitar. Por cima, deitei uma massa feita com 4 ovos, 1 pacote de natas, um pouco de açúcar (algumas 2 colheres de sopa), farinha até ficar com consistência de massa de bolo e fermento royal. Ficou uma compota de pêssego, pouco doce e com muito sabor a fruta no fundo, coberta por um bolinho simples.

22
Jun
09

Folar de chaves

bola de carne

Esta já foi feita há uns meses…

A receita foi esta:
FOLAR DE CHAVES

Ingredientes:

(Para dois folares)

– 1 Dúzia de ovos caseiros

– 1 kg de farinha (55)

– 125 Gramas de manteiga

– Presunto de Chaves q.b.

– Linguiça caseira q.b.

– Salpicão caseiro q.b.

– Carne gorda de porco q.b.

– Uma chávena (de café) de azeite

– Fermento q.b.

– Sal grosso q.b.

(daqui)

Usei presunto (que achei que teria ficado melhor se tivesse sido previamente cozido em água sem sal para ficar mais macio e menos salgado), salpicão de carne, chouriço de carne, e umas febras que refoguei com um pouco de azeite e colorau. A massa fica muito saborosa.

22
Jun
09

O clafoutis

A foto que se segue é do clafoutis com as ameixas descaroçadas. O das ameixas inteiras continua no forno, porque foi feito num recipiente maior e mais fundo, e por isso ainda não está no ponto.

Garanto que cheira ainda melhor. Fica muito bom ainda morno com uma bola de gelado de baunilha ou nata, ou frio, sozinho.

clafoutis

clafoutis

22
Jun
09

Culinarisses

Muitas experiências culinárias têm passado cá por casa, sem que a rúbrica de culinária aqui do blog as tenha reflectido. Aqui ficam alguns reflexos recentes:

Ontem: O Brioche na máquina do pão.
Tenho feito todo o pão na máquina, mas andamos a deixar algum dele estragar-se. O pão feito em casa dura menos tempo sem secar ou ganhar bolor, precisamente porque não tem conservantes e coisas que tais.
Sabendo o quanto por aqui somos gulosos, achei que uma boa solução seria fazer um pão doce, que certamente não iria ter tempo de secar.
Tirei esta receita do verso de um pacotinho de fermento de pão desidratado.
1 colher de sopa de água,
5 ovos,
500 g farinha,
300g de manteiga cortada em pedacinhos,
60 g de açúcar,
1 saquinho de fermento de pão.

Ora, achando a dose de manteiga um abuso absoluto, e tendo naquele momento apenas 3 ovos em casa, adaptei a receita. Substituí os dois ovos em falta por meia chávena de leite magro. Pus um bocadinho de manteiga em pedaços – alguns 50g, a olho, e acrescentei outros 50g de óleo vegetal que sempre faz menos mal, e mesmo assim ficamos com 1/3 da gordura da receita original. Como apreciamos canela, juntei uma colher de chá de canela em pó.
Ficou muito bom, e já está quase todo comido.

Hoje:
No domingo passado fomos a uma feirinha onde o infantário do nosso sobrinho estava representado numa barraquinha. Para ajudar, e porque estava muito barato, comprei uma saca de 2kg de ameixas vermelhas. Logo ali decidi que teria que fazer alguma sobremesa com as ameixas, senão iam estragar-se. Decidi-me por fazer um clafoutis, que tradicionalmente é feito com cerejas, mas muita gente o faz com outras frutas, com sucesso.
Estão neste momento dois clafoutis a assar no forno.

A receita original era:
700g de cerejas (com o caroço, que não se deve tirar)
300g de leite gordo
100ml de natas
4 ovos
4 colheres de açúcar
1 colher de chá de açúcar baunilhado
5 colheres de sopa de farinha
1 pitada de sal
manteiga para untar a forma

Eu troquei cerejas por ameixas, e leite gordo por leite magro, duplicando a receita porque tenho muitas ameixas para gastar.
Untam-se pratos de ir ao forno com manteiga, colocam-se as ameixas por cima (eu fiz um prato com as ameixas inteiras e outro com ameixas que descarocei). Batem-se todos os outros ingredientes, sem ordem específica. Fica bastante líquido, mas é mesmo assim. Verte-se sobre as ameixas e vai ao forno a 200ºC. Cerca de 35 minutos devem bastar.
Vamos a ver como fica…

Há mais tempo:
Bolo de côco.

Para os anos do meu querido inventei um bolo de côco que ficou muito bom.
Bati 4 claras em castelo.
Noutra taça, bati as 4 gemas com 3/4 de chávena de açúcar. Acrescentei 1 chávena de côco ralado, 1 chávena de farinha, uma colherinha de fermento royal, 1/2 chávena de óleo vegetal, e 1 chávena de leite magro. Bati tudo, e incorporei as claras batidas. Foi ao forno em forma untada e enfarinhada a 200º.
Entretanto, fiz uma cobertura com leite condensado cozido, que derreti, e ao qual acrescentei uma colher de manteiga e algum côco ralado.
Depois de desenformado e barrado com a cobertura, ainda salpiquei com côco ralado, para ficar com um aspecto branquinho e nevado.
Ficou muito bom!

Boas experiências.

15
Jun
09

Bem vindo

Já nasceu o Pedro… Surpreendeu-nos a todos nascendo mais cedo que o previsto. Estava apressado, o moço, de ver o mundo cá fora. Que nunca se desiluda com o que vai ver!
Parabéns aos papás, avós e «tios» babados.

13
Jun
09

Estes dias

parece que a blogosfera e boa parte do resto do mundo se mudou para um local idílico qualquer.

Era bom, era. Mas eu não me juntei à malta, nem prevejo juntar-me durante o próximo ano… Ando por casa a lutar com o segundo capítulo, que parece que não quer fluir. Tenho mais ideias do que resultados, mas vou labutando.
Mas estou feliz da vida, só porque esta semana tirei um dia para passear e posso ficar em casa no fim-de-semana… As ambições de férias encolhem ao tamanho das possibilidades… Mas lá que fico com inveja, isso fico…




Poeira e letras

Ora, o que eu pretendo, com esta edição renovada do poeira e letras, é continuar a partilhar as minhas reflexões e histórias do quotidiano, descobertas de músicas, sites com interesse ou simplesmente piada e recursos que podem interessar a quem, como eu, anda dedicado à educação. Neste espaço coexistem o pessoal e o público em doses q.b.
Junho 2009
S T Q Q S S D
« Maio   Jul »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Estatísticas do Blog

  • 191,002 entradas

Comentários Recentes

silvio paulo barcelo… em Músicas antigas
Elizelton em olha 1001!
Lula em Músicas antigas
Kat em Músicas antigas
Kat em Músicas antigas
Roberto em Músicas antigas
Izabel Gonçalves em Músicas antigas
ROMUALDO ROMANOVSKI… em Músicas antigas
rita neves em Músicas antigas
Izabel Kristina em Músicas antigas

Páginas