Arquivo de Setembro, 2007

29
Set
07

SPAM

recebo toneladas de SPAM no meu e-mail profissional. é muito educativo. Acho que podia fazer uma bela tese sobre o SPAM que recebo no meu e-mail. Diz muito sobre as pessoas, o que as apoquenta e as leva a consumir. mas isso é uma coisa relativamente séria e pensada. agora não me aptece nada disso. é tarde e começa o fim de semana. não me apetece pensar. hoje foi só para referir um nome sonante que me mandou uma publicidade não desejada: Boris Pratt. digam lá se não é um belo nome… uma mistura de Boris Vian e Hugo Pratt. Havia de ser interessante, isso.

25
Set
07

William Pinar em Novembro na UM

PDF

Dia 9 de Novembro, o Prof. William Pinar, University of British Columbia, Canadá,  um dos mais conhecidos nomes do Currículo e da Educação a nível mundial apresentará uma conferência no Anfiteatro do Centro Multimédia, do Instituto de Educação e Psicologia, da Universidade do Minho.

 

Para informações, contactar:

 

Rui Silva, Departamento de Currículo e Tecnologia Educativa

rsilva@iep.uminho.pt

253 60 42 22

253 60 42 50 (fax)

 

URL: http://www.iep.uminho.pt/conferenciainternacional2007


23
Set
07

estive lá…

Sábado, 22 de Setembro – 22h00
Mundo Cão
Centro Cultural Vila Flor – Guimarães


Cinco músicos reconhecidos pelos seus papéis noutras paragens compõem o novo projecto de rock “Mundo Cão”. Pedro Laginha, o actor que veste o papel de “Rui” no elenco da novela “Vingança”, transmitida pela SIC, é o vocalista da banda cujas letras são todas assinadas pelo inconfundível Adolfo Luxúria Canibal.

Embora seja reconhecido enquanto actor, Pedro Laginha já colaborara com os Mão Morta no clip de “Cão da Morte” e posteriormente em alguns temas do último álbum (“Gumes” com Adolfo Luxúria Canibal, e coros em “Estilo” e “Vertigem”). Dessas, muito positivas, colaborações nasceu a vontade de fazer “algo mais”.

Para além de Pedro Laginha, a formação dos Mundo Cão inclui ainda mais dois músicos da banda de culto Mão Morta: o guitarrista Vasco Vaz e o baterista Miguel Pedro. Gonçalo (aka Budda), músico de inúmeros projectos como os Big Fat Mamma, e Nuno Canoche completam este universo. Os Mundo Cão lançaram no passado dia 19 de Março o álbum de estreia, que será apresentado ao vivo no palco do Centro Cultural Vila Flor.

Ficha artística
Pedro Laginha
, voz
Miguel Pedro, bateria, programações, sintetizadores, guitarras, coros
Vasco Vaz, guitarras, coros
Budda, guitarras, coros
Nuno Canoche, baixo, coros

18
Set
07

Um pequeníssimo bolo…

p1000536.jpg

…para um pequeníssimo «aniversário».

11
Set
07

andanças bloguísticas

perguntaram-me ontem o que se passava para ter deixado o blog tão sozinho. A minha resposta foi uma não-resposta, porque na verdade nem eu sei perfeitamente. A pergunta afunilou e tornou-se agora numa interrogação quanto ao meu investimento emocional no blog. Aí tive uma resposta mais convicta, que sim, que andava a desinvestir emocionalmente desta plataforma de palavras. Fiquei, resposta dada, a pensar no que tinha acabado de sair disparado da minha boca.

Desinvesti. Sim. Talvez porque ande investida noutras coisas, mais interessantes do que um blog. Estou, já o disse, noutra das minhas fases de recomeço, de reinvenção. Não são assim tão raras, essas fases, na minha pessoa. São apenas uma pontuação, uma pausa para respirar no enredo, antes de uma nova frase. Habituei-me a viver assim, em ciclos de construção e destruição em pequena escala. Como se calhar toda a gente. E depois de uma longa pausa, mais que um ponto final, uma verdadeira mudança de parágrafo ou de capítulo, eis que retomo o movimento. Há uma inércia que se opõe a esse gesto, que me pede que fique quieta no casulo, mas pouco a pouco vou rompendo esses fios e a acção recomeça. E é assim que me encontro agora, a cortar fios e a começar um novo movimento. Isso requer investimento. Investimento esse que depois pode faltar noutros lados e que se espelha aqui, na falta de movimento do blog, precisamente porque não estou parada. Nada disso!

Tem havido começos, recomeços e regressos. Tenho andado a viver mais do que a pensar. Tenho tentado trabalhar. Como de cada vez, inscrevi-me num ginásio ao qual não vou. Ando a re-apaixonar-me pela vida. E isso não se explica, faz-se.

Um dia, voltará a necessidade febril de escrever. Até esse dia, não se preocupem comigo. Ando lá fora, no mundo, a fazer coisas. E ando bem.

07
Set
07

Caetano

E não é que vem cá o Caetano Veloso? Aqui mesmo, ao Porto, no Coliseu, dias 15 e 16.

07
Set
07

Pavarotti

Este verão está marcado pela morte de vários nomes sonantes, nacionais e internacionais, do cinema à literatura. Não os assinalei. Evito fazer deste blog um obituário ou repositório de notícias.

Mas desta vez não posso deixar de o fazer. Podem fazer-se muitas críticas a Pavarotti, e foram muitas vezes feitas. Mas isso de pouco importa perante o ícone em que se tornou, capaz de unir na mesma sala os mais diversos nomes da música pop/rock e clássica, e capaz de tocar os corações de pessoas de todas as sensibilidades. Um grande democratizador, sem dúvida, morreu ontem. O mundo tem menos uma voz.




Poeira e letras

Ora, o que eu pretendo, com esta edição renovada do poeira e letras, é continuar a partilhar as minhas reflexões e histórias do quotidiano, descobertas de músicas, sites com interesse ou simplesmente piada e recursos que podem interessar a quem, como eu, anda dedicado à educação. Neste espaço coexistem o pessoal e o público em doses q.b.
Setembro 2007
S T Q Q S S D
« Ago   Out »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Estatísticas do Blog

  • 188,068 entradas

Comentários Recentes

silvio paulo barcelo… em Músicas antigas
Elizelton em olha 1001!
Lula em Músicas antigas
Kat em Músicas antigas
Kat em Músicas antigas
Roberto em Músicas antigas
Izabel Gonçalves em Músicas antigas
ROMUALDO ROMANOVSKI… em Músicas antigas
rita neves em Músicas antigas
Izabel Kristina em Músicas antigas

Páginas